28 de outubro de 2011

A Arte de Furtar (à boa moda republicana).

(...) O dia 5 foi roubado ao Verão ( que acabou em Setembro ), foi roubado à semana ( por ter calhado à quarta-feira ) e foi roubado, monarquicamente, ao calendário dos dias justos, celebrando a palhaçada do golpe de estado do 5 de Outubro. Vêm aí frios e chuvas politica e meteorologicamente correctos, que se vão rir, sadicamente mas com razão, da insana esperança que queimou e marcou os banhistas do dia da república. (...)

Miguel Esteves Cardoso, Público de 6-10-2011
 

Sem comentários: