10 de agosto de 2012

Aljubarrota Medieval


De 11 a 15 de agosto, as ruas estreitas, que caracterizam Aljubarrota, vestem-se a rigor para recordar os tempos medievais. A Feira Medieval leva à Vila, milhares de pessoas, vindas de todo o País.

14 de agosto é a data histórica que marca a vitória das tropas portuguesas, comandadas por D. João I de Portugal e o seu condestável D. Nuno Álvares Pereira, sobre o exército castelhano de D. Juan I de Castela, que se deu no campo de S. Jorge, entre as localidades de Leiria e Alcobaça, é festejada na vila de Aljubarrota.
A calçada tradicional transforma-se na passadeira vermelha por onde desfilam princesas, nobres, guerreiros, frades, mas também os camponeses, representantes do povo. O som dos tambores e das gaitas de foles ouvem-se ao longe, a acompanhar, os malabaristas e jograis que vão animando o recinto.
O ambiente do século XIV é retratado em cada recanto e até os sinais de trânsito são tapados serapilheira. Nas tabernas, os fardos de palha servem de mesa e de banco, as canecas de barro são os apetrechos por onde se mata a sede. Nas bancas de madeira não faltam os doces tradicionais, as frutas, as túnicas, a cerâmica, os artigos de pele, os escudos de madeira e as grinaldas.
Durante cinco dias, integrado nas comemorações da Batalha de Aljubarrota, podem assistir-se a rábulas e farsas, arruaças, artes de rua, interpretação do quotidiano civil e militar do século XIV, torneios de cavalaria, demonstração de artilharia medieval, entre outros destaques. A entrada é livre.

Programa AQUI

Sem comentários: