6 de setembro de 2012

Comunicado do GAO: A propósito da escolha da Igreja da Madalena para "Mejor rincón de Espana 2012"

O Grupo dos Amigos de Olivença tomou conhecimento de um concurso organizado pela REPSOL intitulado «El mejor rincón de Espana 2012» que procura eleger os mais pitorescos recantos de Espanha em que o representante escolhido da comunidade autónoma da Extremadura é a portuguesíssima igreja da Madalena, realização arquitectónica considerada como a jóia da coroa de Olivença, catedral manuelina do século XVI, uma das criações artísticas mais elevadas da cultura portuguesa.

Esta escolha, das quais se desconhecem os critérios, não será certamente inocente e deverá levar todos os portugueses a questionar quais os reais motivos dos organizadores do evento colocando um monumento tipicamente português como representativo de Espanha. Esta "honra" assume os contornos de uma indecorosa tentativa de legitimação da ocupação do território de Olivença junto da opinião pública portuguesa.

Nem mesmo escamoteando a verdade se pode entender como pode uma catedral portuguesa, na nossa Olivença, ser representativa da Espanha. A igreja da Madalena nada tem de espanhol e ali nada há de estremenho.

Não pode o Grupo de Amigos de Olivença – que desde 1938 vem pugnando pela reintegração de Olivença em Portugal, sustentando a posição oficial reiteradamente afirmada pelo Estado Português que Olivença é um território juridicamente português ocupado ilegalmente por Espanha – deixar de ficar assombrosamente surpreendido com esta “distinção” dada à cultura portuguesa. É causa de perplexidade, depois de dois séculos de tentativa de destruição da Cultura Portuguesa de Olivença usurpada, terem de admitir que afinal é o melhor que por ali têm...

Por tudo isto e muito mais, Olivença constituindo uma disputa fronteiriça não resolvida entre os dois Estados ibéricos, a escolha da igreja da Madalena é certamente visto por muitos portugueses, no mínimo como muito infeliz, no máximo como uma provocação a Portugal patrocinada pela REPSOL.

Resgatando a Cultura e a História, respeitando o Direito e a Moral,
Olivença é Terra Portuguesa!
 

Sem comentários: