11 de julho de 2016

300 Anos da Embaixada de D. João V ao Papa Clemente XI 1716-2016

A exposição apresenta-se como uma viagem ao passado recordando a importância das Embaixadas e Entradas Solenes nas cortes europeias de que se destaca a memória inesquecível deste grandioso dia.



A exposição vai ter lugar na Sala de Exposições Temporárias do Museu Nacional dos Coches, abrindo ao público de dia 9 de Julho de 2016 até 15 de Janeiro de 2017.
D. João V, cujo reinado foi um dos mais significativos para a diplomacia portuguesa, fez desta Embaixada o ponto alto de ostentação ao enviar a Roma D. Rodrigo Annes de Sá Almeida e Meneses, 3º Marquês de Fontes, ao Papa Clemente XI a 8 de Julho de 1716, para obter algumas prerrogativas para a Igreja Portuguesa.
A 7 de Novembro do mesmo ano o Papa emite uma Bula em que atribui o estatuto de Patriarcal à cidade de Lisboa.
O Museu Nacional dos Coches fundado pela Rainha D. Amélia d’Orleães e Bragança em 1905 tem agora, nas novas instalações, o seu acervo principal onde se destaca o conjunto dos três coches triunfais que integraram a referida Embaixada - O Coche do Embaixador, o Coche dos Oceanos e o Coche da Coroação de Lisboa.
Mandados construir em Roma revelam uma grande qualidade artística nos grupos escultóricos representados cuja mensagem alegórica dá enfase ao Título de Estado que D. João V possuía por direito, «Senhor da Conquista, Navegação e Comércio da Etiópia, Arábia, Pérsia e Índia».
Fonte: e-cultura

Sem comentários: