10 de outubro de 2012

Falta de visão histórica ou enviesamento ideológico?


5 de Outubro de 1143: Fundação da Nacionalidade
5 de Outubro de 1910: marco da divisão dos Portugueses

Num país como Portugal, com mais de oito séculos de Monarquia, e apenas 102 anos de República, o Estado Português prefere comemorar o dia 5 de Outubro de 1910 - marco da divisão dos Portugueses, em detrimento do dia 5 de Outubro de 1143 - data que assinala a Fundação de Portugal como Nação independente, à qual deveria ser dado o destaque que a mesma merece.

Terão os actuais responsáveis pelo sistema Republicano vergonha ou receio em dar o devido destaque a essa data que deveria ser comemorada para assinalar a nossa independência e a nossa identidade como portugueses?
 
Será esta atitude, reflexo de uma falta de visão histórica?

Não será, antes, reflexo de um enviesamento ideológico, dominado por uma certa mentalidade jacobina que teima em afirmar-se até aos nossos dias, impondo a sua visão exclusivista e distorcida da História e, desse modo, procura exercer influência em inúmeras instituições do Estado e, através delas, na sociedade, contrariando aquilo que é a forma natural e autêntica de sentir e de agir do povo português, em tudo contrária a essa mesma mentalidade jacobina?
 
José Filipe Sepúlveda da Fonseca
 

Sem comentários: