3 de maio de 2018

SAR, D. Duarte Pio de Bragança: “Desde 1910 que a moral republicana só funciona em ditadura”

Sendo um adepto da democracia e da liberdade, D. Duarte Pio, Duque de Bragança e chefe da Casa Real Portuguesa, defende que o país seria mais livre e menos corrupto se voltasse a ser governado por um regime monárquico. Ou seja, por ele, dado que é o herdeiro do trono português. “Há uma tolerância geral no país para a pequena corrupção. E isto tem que ver com a falta de motivações morais e espirituais.” Sobre o actual chefe de Estado português chega a dizer: “O Presidente Marcelo actua como um rei, pela sua inteligência política”. E revela que um Presidente dos Estados Unidos chegou um dia a incentivá-lo a candidatar-se à Presidência da República. Uma conversa onde fala ainda do seu amor, D. Isabel de Bragança, das razões para uma paternidade tardia, e em que ficamos a saber que até se ri das caricaturas que fazem dele. “Desde que não me ponham gago. Que é uma coisa que eu não sou.”


Ouvir AQUI

Fonte: Expresso

Sem comentários: