16 maio 2021

Professor Dr. Didier Raoult: Entre os vacinados, há menos hospitalizações, mas não há menos mortes

 Tradução Deus-Pátria-Rei

"Entre os vacinados, há menos hospitalizações, mas não há menos mortes. Temos 1% das mortes. E entre os mortos, temos um morto com esta variante 501 que também apresenta uma proteina spike diferente, que talvez esteja menos protegida. Sabemos que os ingleses e principalmente a África do Sul e o Brasil estão menos protegidos por vacinas baseadas na cepa de Wuhan e que actuam apenas na proteína spike e não no vírus como um todo.

Com os dados actuais, não se pode afirmar que as vacinas protegem significativamente em relação à circulação dos vírus, pois a proporção de portadores assintomáticos permanece extremamente elevada. Portanto, a ideia de a vacina ser feita para proteger o restante da população não é realista nessa situação. A segunda coisa é, dados os mutantes ao redor, você terá que ter cuidado.

Então, há uma última coisa que quero dizer sobre as vacinas, temos 46 pacientes que tiveram covid dentro de uma semana após a injecção e isso é significativo em comparação com tudo o que estamos fazendo aqui. Essas pessoas portadoras são assintomáticas e nas quais a vacinação desencadeou uma reacção que as tornou sintomáticas? essa é uma pergunta real. Este é um fenómeno novo e importante que deve ser levado em consideração."

Efeito das vacinas e corrupção




Sem comentários: